Ov!!

Bem vindos a uma biomedicina sacana!!

quinta-feira, 17 de junho de 2010

DROGAS DE ESTUPRO - BOA NOITE CINDERELA



Ok, eu confesso... acabei de fazer um seminário sobre este tema e fiquei com vontade de escrever enquanto o assunto está fresquinho na cuca!
Eis um assunto que nunca sai de moda...sexo e drogas, então, segue o post sobre drogas de estupro, date drugs ou rape drugs.
Estas drogas são utilizadas com o objetivo de roubar ou violentar sexualmente uma vítima, facilitando o acesso do agressor aos...''finalmente''. Logo, qualquer droga que impossibilite a vítima de dizer 'não' ou a vulnerabilize diante de qualquer moléstia sexual, pode ser considerada uma droga de estupro, desde a  boa e velha cervejinha, até drogas de rua, como a maconha e a cocaína, ou ainda as drogas de clube, como o ecstasy e o LSD, e até mesmo alguns medicamentos, como os sedativos, os remédios para resfriado e os anti-histamínicos, utilizados para tratar alergias. 
No Brasil, as drogas mais comuns são o GHB ou ''G", o ecstasy ou ''bala''e o LSD ou "doce". Em outros países, o Rohypnol ou "forget me pill", o Medazolam e a Ketamina ou "special K"/ "K", são bastante frequentes.
Em comum, estas drogas vão gerar efeitos depressores do SNC, após um sintoma inicial de êxtase , euforia e desinibição. Também pode causar confusão e algumas promovem efeitos alucinógenos.
Estas drogas são utilizadas na aplicação do golpe "Boa noite Cinderela", em que um sujeito de boa aparência, de forma a não levantar suspeitas, vai se aproveitar de uma distração da vítima e vai colocar a droga de eleição em seu copo. Após os efeitos iniciais de desinibição, relaxamento (a pessoa fica meio bêbada, os efeitos são semelhantes a ingestão de álcool), seguem-se os efeitos depressores, com fraqueza, perda da capacidade de reação e BLACKOUTS, perdas de memória, que vai impossibilitar a reação da vítima  ou que ela tenha alguma noção do que está acontecendo ao seu redor. Ela ainda fica impossibilitada de relatar o caso na delegacia, pois não se lembra ou não possui os fatos claros na cabeça.
Quem viu as Branquelas, vai se lembrar da cena em que o Latrell toma por engano o copo "batizado" de uma das branquelas, e acaba perdendo a linha na pista de dança, resultando, no dia seguinte, em uma companhia indesejada ao seu lado na cama.
Estas drogas não levantam suspeitas, por serem invisíveis, incolores, insípidas, possuírem uma dissolução rápida no liquido, sua ação se manifesta em curto prazo e é  muito potente. Estas drogas, geralmente ficam no organismo até 72h após o contato e não são detectadas nos exames de rotina. Elas só poderão ser detectadas se o médico estiver procurando por uma droga específica.

Existem no mercado alguns kits que permitem a detecção de drogas na bebida, quando a vítima suspeita de alguma coisa. Uma empresa de cosméticos lançou um gloss que vem acompanhado de um cartão, que quando inserido na bebida, vai dedurar (muda para a cor azul) a presença de "Ketamina" e "G", porém é muito limitado, não podendo ser utilizado em bebidas com frutas, conservantes, aromatizantes, etc, além de deixar de detectar várias outras drogas. O "drink detective", é um método semelhante, porém mais sensível, detectando maior variedades de substâncias (foto).

Rohypnol: É um benzodiazepínico utilizado no tratamento de insônia e como anestésico pré-cirúrgico, possui uma alta capacidade de provocar AMNÉSIA ANTERÓGRADA, perda das capacidades intelectuais e musculares, sonolência e confusão, quando consumido em altas doses, tornando a vítima uma presa muito fácil. Os efeitos tóxicos podem ser revertidos com o uso do antídoto de BZD, flumazenil intravenoso. Ele tem seu efeito depressor do SNC potencializado pelo álcool, mas tb se dissolve facilmente em bebidas não alcoólicas, o que amplia as possibilidades de vítima, porém é importante falar, que seus efeitos só vão ocorrer de forma mais vantajosa para o agressor, se a droga for misturada com álcool. Seus efeitos são semelhantes ao "Valium", porém 10x mais potente.

GHB: é um metabólito do neurotransmissor inibitório GABA, presente naturalmente no nosso organismo, em baixas doses. é utilizado no tratamento de narcolepsia. Possui como efeitos colaterais: contrações musculares involuntárias, delírio, depressão respiratória e convulsões. Modula o sistema serotonérgico e dopaminérgico, aumentando a ligação aos receptores GABA B, aumentando a atividade depressora do SNC.

Ketamina: é quase uma mata-leão, utilizado como anestésco de animais e seres humanos, tb vai causar depressão do SNC, porém sem causar depressão respiratória grave. Deriva da Fenciclidina (PCP). Possuindo propriedades simpatomiméticas e alucinógenas. É chamado de pó de anjo, Krystal e Ice. Pode ser fumado em associação com a maconha ("Supergrass"), e gera etapas, ao longo de seus efeitos que variam com o tempo, após a administração: ''come on"(2-5 min), ''high''(15-30 min) e ''loaded" (4-6 h). O sintomas variam de embriaguez, desorientação e desligamento da realidade (baixas doses) até paranóia, delírios, e expeiêrncias de morte eminente.

LSD ou ácido lisérgico: é uma droga sintética, que já teve sucesso em práticas psiquiátricas. O consumo se dá pela via sublingual de 20 a 80 µg por dose. Age por ação antagonista e agonista parcial da serotonina. O sintomas vão depender da perspectiva do usuário, podendo causar aceleração e desorganização do pensamento, com idéias soltas e perda do foco do pensamento. No golpe boa noite cinderela, gera uma vítima confusa, com pouca capacidade de julgamento, uma presa muito fácil. Também causa muitas ilusões e poucas alucinações.

As ilusões são distorções de objetos reais enquanto as alucinações geram imagens vindas da imaginação, sem a presença de objetos.


Ecstasy ou MDMA (3,4 metilenodioximetanfetamina): Anfetaminas e análogos agem por bloqueio do mecanismo de recaptação das catecolaminas no terminal sináptico. Seu uso pode ser endovenoso, oral ou por inalação de fumaça, isoladamente ou associadas a outras drogas. São, intencionalmente, ingeridos com álcool, inalantes, maconha, LSD, cocaína ou sildenafil (Viagra®). É muito comum o comércio ilegal destas substâncias adulteradas, o que fornece um risco maior de intoxicação. O ecstasy é responsável por um aumento da energia do indivíduo, da sociabilidade e, segundo descrição dos usuários, da disposição sexual, mas gera, concomitantemente, uma síndrome serotoninérgica, com ansiedade, a sensação de pânico, agitação, delírios, cefaléia, dentre muitos outros sintomas.

Todas estas drogas, de uma forma ou de outras, junto com seus sintomas, vão favorecer uma abordagem sexual ou o roubo, resultando em estupro e humilhação.

Fonte: http://ltc.nutes.ufrj.br/toxicologia/mVIII.noit.htm

CUIDADO COM O QUE VOCÊ BEBE, E SE VOCÊ JÁ OPTA POR UMA DROGA, SIM A CERVEJA OU AQUELES DRINKS ALCOÓLICOS BONITINHOS, PORÉM COM O GOSTO HORROROSO...CONTENTE-SE COM APENAS UMA DROGA, E FIQUE DE OLHO NO SEU COPO, PARA NÃO ACABAR ASSIM:



6 comentários:

  1. achei muito legal suas informacoes, pode ajudar muita gente ,a nao entrar nessa.

    ResponderExcluir
  2. TODOS OS JOVENS DEVERIAM LER SEU BLOG PARA VER SE APRENDEM ALGUMA COISA.
    PARABÉNS.

    ResponderExcluir
  3. Exclente post. Muito esclarecedor. è interessante que todos se ajudem. Ocorre com muita frequência esse tipode crime com as pessoas, e nem todos se perguntam na hora se pode ter sido usado o "boa noite cinderela"; todos são categóricos em afirmar que é efeito do excesso de álcool. TODA VEZ QUE VEJO ALGUÉM MAL, COM SINTOMAS DESSE TIPO, JÁ AVISO LOGO PRA QUEM ESTÁ PERTO QUE PODE TER OCORRIDO USO DO BOA NOITE CINDERELA.

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. Demorei...mas estarei colocando alguns posts sobre drogas...e lá incluirei os efeitos colaterais...qdo falar dessas drogas de estupro!

      Excluir